Clicks82
pt.news

Quatro professores católicos demitidos e substituídos por herege pró-contracepção

Os expurgos no antigo Instituto Católico João Paulo II de Roma continuam.

NCRegister.com informou que o famoso professor Stanislaw Grygiel, de 85 anos, foi demitido de seu cargo de docente de filosofia. Agora lhe resta apenas um cargo de pesquisa.

Grygiel chegou em Roma em 1980 para ensinar no Instituto, por convite especial de seu amigo pessoal, João Paulo II. Monika, filha de Grygiel, que lecionou psicologia, também foi demitida.

Anteriormente, o Instituto havia dispensado os notórios teólogos morais monsenhor Livio Melina, seu ex-presidente e o padre José Noriega.

De acordo com o site LifeSiteNews, eles serão substituídos pelo sacerdote anticatólico Maurizio Chiodi, o qual apoia a contracepção.

Os expurgos são a vingança pessoal de Francisco, que está furioso porque o Instituto não apoiou suas heresias de Amoris Laetitia.

#newsGtjtiluiqy