Idioma
Cliques
34
pt.news

Ex-Núncio na Colômbia é suspeito de lavagem de dinheiro

O caso diz respeito ao arcebispo Ettore Balestrero, de 51 anos, e a companhia de importação de carnes de propriedade do seu irmão, Guido. Provavelmente por essa ser uma investigação em curso, Balestrero foi transferido, em julho, da Colômbia para o Congo.

Segundo investigadores, o núncio transferiu uma "doação" de 4 milhões de euros (4,5 milhões de dólares) através da Suíça para o seu irmão na Itália. Suspeita-se que esse dinheiro consista de lucros de carnes argentinas importadas ilegalmente para a Itália, nos anos 1980, pela companhia Balestrero. Em 2015, a empresa tentou levar o dinheiro para casa.

Balestrero disse à polícia que as transações aconteceram sem o seu conhecimento, embora, em 4 de setembro de 2015, ele tenha assinado, no escritório de um advogado em Gênova, um documento confirmando a "doação".

De acordo com a mídia italiana, o cardeal da Cúria, Mauro Piacenza, sabia o acordo.

Fotografia: Ettore Balestrero, #newsSqcbieucdp
Escreva um comentário
pt.news mencionou esta publicação em Núncio tentou em vão se esquivar da polícia.