Clicks293
pt.news

Cardeal Sarah chama Francisco implicitamente de "falso profeta"

O cardeal Robert Sarah disse em 25 de maio, em Paris, no lançamento de seu novo livro, que os prelados que "anunciam em voz alta mudanças e rupturas" são "falsos profetas".

Sarah continua salientando que ele não é um oponente do Papa Francisco. No entanto, Francisco está entre aqueles que "anunciam mudanças em voz alta".

Em outubro de 2014, afirmou que "o mundo mudeou e a Igreja não pode se fechar em supostas interpretações de dogma" La Nacíon.

Em outubro de 2014, disse que "a Igreja não deve temer mudanças" (Rádio Vaticano).

Em outubro de 2015, Francisco insistiu que a Igreja não pode ser um museu, mas deve estar aberta à "mudança" (Reuters).

Em novembro de 2015, disse a um encontro da Igreja italiana que o Catolicismo pode e deve "mudar" (Rádio Vaticano).

Em 8 de junho de 2019, Francisco disse aos membros da Renovação Carismática que ter medo de "mudança" é uma tentação do diabo.

Francisco mudou de fato o ensinamento da Igreja em relação ao casamento, à recepção da Sagrada Comunhão, à pena de morte, ao inferno e até às próprias palavras da Oração do Senhor.

Fotografia: Robert Sarah, © Michael Swan, CC BY-ND, #newsPlthtvknfg