Clicks158
pt.news

Bispo de imigração em massa defende excomunhão em massa

A Igreja da imigração em massa agora também promove a excomunhão em massa.

O exemplo mais recente é o bispo de Mazara del Vallo - Itália, Domenico Mogavero. Ele condenou veementemente os muitos partidários do popular primeiro ministro italiano Matteo Salvini:

"Quem está com Salvini não pode ser chamado de cristão, porque ele negou o mandamento do amor", exclamou um irritado Mogavero, segundo Ansa.it (20 de maio).

Salvini parou com sucesso a imigração em massa para a Itália. Mas Mogavero insultou Salvini como "cada vez mais arrogante."

Comentaristas nas mídias sociais se lançaram contra Mogavero. Eles ressaltaram que ele é "corajoso" só quando defende a ideologia da mídia oligárquica, enquanto silencia diante do aborto, da eutanásia, ideologia de gênero e fornicação homossexual.

Em março de 2011, Mogavero aprovou os crimes de guerra da OTAN contra a Líbia, os quais iniciaram a imigração em massa para a Europa.

Ele enfaticamente apoiou a introdução do pseudo-matrimônio gay na Itália.

Fotografia: Domenico Mogavero, Matteo Salvini, #newsUbgqsybtgs