Clicks55
pt.news
1

Schneider: Papa herege é como um pai abusivo ou um tirano ateu

O bispo do Cazaquistão, Athanasius Schneider, implicitamente comparou o papa Francisco e suas heresias a um pai abusivo ou um tirano comunista.

Em um ensaio de 11 páginas sobre a questão de um para herege, Schneider refuta a opinião de que tal papa perde automaticamente o seu ofício.

Escrevendo em Rorate-Caeli.blogspot.com (20 de março), ele explica que as crianças podem evitar o contato com um pai criminoso ou monstruoso, mas não podem eleger um novo e bom, concluindo que o mesmo princípio se aplica a um pontífice herético.

De acordo com Schneider, tolerar um papa herege não significa aprovar os seus erros.

Schneider compara tal situação a um regime iníquo ou ateu. Ele salienta que os católicos viveram sob um regime assim na União Soviética, e que eles assumiam isso como uma penitência.

Fotografia: © Joseph Shaw, CC BY-NC-SA, #newsTtvwreamnn
Gabrielle Gabrielle and one more user like this.
Gabrielle Gabrielle likes this.