Clicks90
pt.news

Bispo Defende a Comunhão aos Adúlteros com Argumentos Capciosos

O bispo radical Mario Grech de Gozo - Malta, publicou uma carta pastoral sobre “esperança”, usando-a para atingir aqueles que criticam sua controversa permissão de que os adúlteros recebam a Sagrada Comunhão.

“Infelizmente, existem profetas destrutivos, que em seu zelo religioso, são mais propensos a se concentrar nos defeitos do que nas muitas qualidades do homem; se limitam a considerar o erro em vez de apreciar os esforços, mesmo que pequenos porém sinceros, que uma pessoa tentar fazer para se levantar; estão mais interessados em defender a lei ao pé da letra do que a pessoa”.

Esse tipo de argumento é chamado de "falácia do espantalho". Ele passa a impressão de recusar um argumento de um oponente quando, na verdade, está recusando um argumento que nunca foi apresentado.

Tal erro lógico é usado quando derrotar um “inimigo" é mais importante do que o pensamento crítico ou a compreensão do argumento.

Fotografia: Mario Grech, 2007, #newsKgwbpdxrkd