Idioma
Cliques
70
pt.news 1

O anticatólico Hünermann pavimentou o caminho ao Amoris Laetitia de Francisco

O padre alemão Peter Hünermann, o teólogo anticatólico que Bento XVI criticou em uma recente carta privada, foi recebido por Papa Francisco em maio de 2015 por quase uma hora em Santa Marta.

De acordo com commonwealmagazine.org (22 de setembro de 2016), Hünermann teve um "impacto teológico sísmico" que se estendeu até Amoris Laetitia de Francisco, proporcionando a Francisco uma "justificativa teológica" para a introduzir de fato o divórcio na Igreja.

Hünermann disse ao commonwealmagazine.org que Amoris Laetitia abre as portas para que os adúlteros recebam a Comunhão. Ele acrescentou que o tema dos diáconos femininos "foi de grande importância para mim por mais de quarenta anos".

#newsDhwgjseuhj

Escreva um comentário