pt.news
372

Bósnia: muçulmano constrói igreja católica

O empresário aposentado Husejn Smajic, muçulmano, 68 anos, descobriu em 2014 as fundações de uma igreja católica medieval em terras suas em Bugojno (47.000 habitantes), na Bósnia.

A igreja foi destruída durante a invasão otomana do século XV. Smajic decidiu ceder o terreno e reconstruir a igreja para mostrar que as comunidades mistas vivem bem juntas. A igreja foi consagrada neste verão.

Smajic é casado com uma católica e “consegui, por 45 anos, viver com meu inimigo”, disse ele a AFP.com (12 de agosto). O casal tem três filhos.

A Bósnia (3,5 milhões de habitantes) é dividida em muçulmanos, católicos (croatas) e ortodoxos (sérvios). Em Bugojno, a maior parte da população católica (34%) foi expulsa pelos muçulmanos durante a guerra de 1993, que matou 100.000 pessoas

#newsWkekucrpus