Clicks386
jamacor

Filme "O Vendedor de Sonhos" 2016. Altamente recomendado

Aqui você pode conferir em português com legendas em espanhol.

“O Vendedor de Sonhos” é um filme brasileiro dirigido por Jayme Monjardim que chegou às telonas em 2016. A história é baseada no best-seller de Augusto Cury e tem como foco a amizade que nasce entre um mendigo e um renomado psiquiatra que deseja suicídio.

O filme é repleto de diálogos profundos e frases repletas de ensinamentos. Não é um típico filme comercial que faz você rir e desenvolve uma história óbvia. “O vendedor dos sonhos” é uma produção que visa motivar o público, fazê-lo questionar algumas das questões mais importantes da vida e enviar uma forte crítica ao consumismo de uma sociedade que se esqueceu de sonhar.

Fala sobre o suicídio, o valor da amizade e da família, a importância de limitar o trabalho, o luto, o perdão, o mérito das segundas oportunidades e o segredo do sucesso.

Deus e "O vendedor de sonhos"
Conforme o filme avança, é inevitável não pensar em Deus e no que acontece em nossas vidas quando decidimos acreditar. Julio César (o protagonista) foi um homem egoísta e arrogante, fez questão de fazer seu filho acreditar que na vida só se pode ser o melhor, o número um. Que não há espaço para falhas ou arrependimentos.

Julio César é um personagem em conflito consigo mesmo, sente-se covarde e culpado por não conseguir lidar com seus problemas apesar de ser psiquiatra. Não é irônico que um homem que ganha a vida tentando ajudar os outros com sua saúde mental esteja totalmente desequilibrado?

A misteriosa figura do mendigo a quem todos chamam de "professor" não convence Júlio. Quem no início do filme fica incrédulo, frio e até responde de forma abrupta. O mendigo não diz seu nome, porém, à medida que o filme avança, suas ações honram o apelido com o qual é reconhecido.

Fé, perdão e amor restauram o equilíbrio do protagonista
É fácil se identificar com Júlio César. Ele é um homem cuja vida cobrou seu preço e agora está frágil e vulnerável. O mendigo parece ter uma resposta para tudo, exceto para responder quem ele é e de onde vem. “O vendedor de sonhos” permite-nos refletir sobre temas que às vezes nos parecem muito “pesados”.

A figura misteriosa do professor (que também conquista a todos com discursos eloqüentes) é finalmente revelada e nos deixa uma grande lição. É um filme adequado para toda a família e perfeito para discutir questões transcendentais. Como o lugar que damos ao sucesso, dinheiro, aparências, títulos e família.

Deixo-vos algumas das frases mais belas e significativas do filme que servem para refletir:

- «Não tenha medo da estrada, não tenha medo de andar»

- «Os suicidas não querem se matar, querem matar a sua dor»

- “O primeiro a ser beneficiado com o perdão é aquele que perdoa, não o perdoado”

- "O ser humano não morre quando o coração para de bater, morre quando de alguma forma deixa de se sentir importante"

- «Posso vender-te uma vírgula, para que continues a escrever a tua história, embora o mundo pese muito sobre ti»

- “Quem se suicida é um assassino, primeiro se mata e depois mata a família”

- «O segredo do sucesso é conquistar o que o dinheiro não pode comprar»