pt.news
189

Travestis: Para o Vaticano, decadência é “revolução e esperança”

Francisco se encontrou com o quarto grupo de travestis em 10 de agosto.

O jornal do partido do Vaticano OsservatoreRomano.va (propagandista: Giampaolo Mattei) entusiasticamente rotulou esta prova mais recente da decadência do Vaticano como “revolução e esperança”.

Os cúmplices de Francisco foram a irmã Geneviève Jeanningros, o padre de Torvaianica Andrea Conocchia e o cardeal Konrad Krajewski.

Travestis são prostitutas homossexuais que espalham Aids, varíola dos macacos, outras doenças e condenação eterna.

Esta foi a quarta vez, depois de 27 de abril, 22 de junho e 3 de agosto, que Bergoglio promoveu a prostituição homossexual.

Em lágrimas, OsservatoreRomano.va retrata as prostitutas com expressões como “grande sofrimento” e “fragilidade” e fantasias de que o Evangelho de Bergoglio “nos manda acolher a todos”, “todos têm dignidade” etc. – enquanto Francisco se cerca de um pequeno grupo de amigos decadentes e jornalistas oligarcas e marginaliza os católicos comuns.

Fotografia: © Mazur/catholicnews.org.uk, CC BY-NC-ND, #newsQbbofopejr