Clicks90
pt.news

Monges com duplo rito revivem gloriosa abadia na França

Os beneditinos de Saint-Joseph de Clairval em Flavigny-sur-Ozerain, Borgonha, vão reviver a abadia de Solignac no centro da França, a partir de agosto.

A notícia foi anunciada no dia 11 de junho pelo bispo Pierre-Antoine Bozo de Limoges e pelo abade Jean-Bernard Marie Bories, eleito há apenas um ano. Sua comunidade foi fundada na Suíça em 1972 em torno do arcebispo Marcel Lefebvre (+1991), o qual deixaram após as consagrações episcopais de 1988.

Os monges foram recebidos pelo Bispo de Dijon, Michel Louis Coloni (+2016), que os obrigou a substituir a Missa Comunitária por uma Eucaristia de Novo Rito - que é presidida voltada para Deus e em latim - para obter o desejado reconhecimento canônico. As missas privadas dos monges são celebradas principalmente no Rito Romano. Agora, o grupo tem cerca de cinquenta monges. O abade fundador Augustin Marie Joly faleceu aos 89 anos em janeiro de 2006.

Solignac foi fundada por Santo Eligius (+660) e fechada em 1790 pela Revolução Francesa, que a utilizou como prisão para padres e freiras que se opunham ao regime de terror da Revolução. Mais tarde, o mosteiro mudou de mãos várias vezes, até que a Diocese de Limoges o comprou em 2011.

A igreja da abadia, do século XVIII, é um exemplo extraordinário de uma igreja em estilo românico.

#newsRynqtvvztg