pt.news
188

Belicistas espanhóis prestes a destruir a maior cruz do mundo

O regime de socialistas de alta finança da Espanha planeja demolir a cruz de 152,4 metros que se ergue sobre o Valle de los Caídos, um complexo monumental erguido durante o governo de Francisco Franco nos arredores de Madri para abrigar os restos mortais de combatentes da Guerra Civil Espanhola.

Parte do complexo, dedicado à paz e à reconciliação, é uma basílica de direito papal administrada por monges beneditinos que correm o risco de serem expulsos pelo regime.

Os extremistas do regime aprovaram uma lei em julho de 2021 destinada a cancelar as referências cristãs do Valle de los Caídos.

Eles são encorajados pelo fato de que Francisco, os bispos do Novus Ordo e seus seguidores são um bando de covardes mortos que não têm convicções e não defendem nada.

Fotografia: Valle de los Caídos © wikicommons, CC BY-SA, #newsUwdqoqxckz