Clicks399
pt.news

Bispo alemão se recusa a ordenar "sacerdotes com mentalidade tradicional"

O bispo Felix Genn, de 68 anos, de Münster - Alemanha, declarou durante uma coletiva de imprensa que "posso dizer com firmeza: não quero prelados pré-conciliares e não os ordenarei". A citação foi relatada pela página web DieTagespost.de (28 de setembro).

No ano passado, Genn ordenou apenas três sacerdotes para sua diocese de 1,9 milhões de católicos.

Ele participará do Sínodo dos Bispos sobre a Juventude. Um dos sacerdotes de Genn, o padre Norbert Happe, está alimentando sua biblioteca paroquial com literatura homossexual para jovens..

Em janeiro de 2018, o reitor do seminário de Genn confessou que ele "não tem conseguido dormir" devido à falta de vocações.

Em 2013, Genn foi um dos primeiros promotores da pílula abortiva do dia seguinte em hospitais "católicos" na Alemanha.

Genn é considerado um "conservador". Ele é superior do ramo sacerdotal da Johannesgemeinschaft [Comunidade de São João], que foi fundada pelo padre Hans Urs von Balthasar.

Fotografia: Felix Genn, © wikicommons, CC BY-SA, #newsKkxpatnmuu