Clicks94
pt.news
1

Sarah: contracepção e homossexualidade preparam totalitarismo

A mentalidade contraceptiva que se desenvolveu desde os anos 1950 introduziu uma desconexão entre a mulher e o seu corpo, e mudou profundamente o entendimento do casamento e da sexualidade, disse o cardeal Robert Sarah.

Discursando na Universidade de Madri (7 de novembro discurso completo),Sarah explicou que a mentalidade contraceptiva reduz a sexualidade ao prazer.

Isso permitiu à homossexualidade ser legitimada socialmente: "Se a sexualidade não é mais percebida sob a luz do dom da vida, como pode a homossexualidade ser considerada uma perversão, um transtorno sério e objetivo?"

Sarah criticou a ideologia homossexual por impor uma "nova concepção" da natureza humana, chamando isso de comparável a "tentativas totalitárias" para produzir um "novo homem".

Fotografia: Robert Sarah, © Mazur, CC BY-SA, #newsTsbwdgzzpy

EmmanuelGA likes this.