Clicks74
pt.news

Dois dias após Pfizer: menina de 14 anos morre

Um dia depois de receber a segunda dose da “vacina” da Pfizer em 17 de setembro, Madja El Azrak, de 14 anos, de Ruffano, Itália, mas de origem norte-africana, queixou-se de desconforto e fortes dores. Um médico encontrou um inchaço no olho, escreveu a mídia italiana.

Em 19 de setembro, ela foi levada a um hospital onde “a presença de um tumor” foi detectada e Madja entrou em coma. No dia seguinte, ela foi transferida para a UTI do hospital Giovanni XXIII em Bari, onde faleceu no dia 21 de setembro.

Os médicos em Bari agora dizem que uma “meningite” a matou. A promotoria abriu uma investigação por homicídio culposo contra aqueles que vacinaram Madja - não contra a Pfizer, é claro.

Fotografia: © Province of British Columbia, CC BY-NC-ND, #newsYaasznitym