Clicks97
pt.news

Ecumenismo viral: "Não há distinção entre cristãos, muçulmanos ou budistas" - cardeal

O coronavírus é um exemplo "da humanidade inteira" sendo unida - descobriu o cardeal John Onaiyekan, de Abuja - Nigéria (VaticanNews.va, 1º de abril): "Não há distinção entre cristãos, muçulmanos ou budistas, africanos e europeus, negros e brancos".

Onaiyekan comentou, em uma oração inter-religiosa organizada em 1º de abril pela coalizão internacional "Religions for Peace" [Religiões pela Paz], que goza de um status consultivo com diferentes corpos da ONU. Ele chamou a oração de "significante" e "poderosa".

O cardeal era um de uma dúzia de líderes religiosos que ofereceram transmissões ao vivo on-line de sermões ou orações para diferentes divindades. Toda a jornada foi moderada por uma mulher hindu (vídeo com Onaiyekan abaixo).

Onaiyekan não orou, mas falou sobre o coronavírus, sobre o pobre sistema de saúde da Nigéria - até mesmo - sobre uma necessidade de arrependimento.

Fotografia: © Mazur, CC BY-NC-SA, #newsOiqemseqhe