Clicks148
pt.news

Viganò: Francisco é "homem cego" com "coração murcho"

Fratelli tutti de Francisco ignora a "dimensão transcendente" e a "moralidade católica", disse o arcebispo Viganò a LifeSiteNews.com (14 de outubro).

Ele pergunta que "fraternidade" - o tema principal da encíclica - poderia existir se matar crianças em gestação fosse considerado irrelevante.

Viganò vê em Fratelli tutti "nenhum sopro de amor" nem para Deus nem para o homem porque a encíclica, em vez de despertar o homem moderno do seu "feitiço hipnótico de benevolência, ecologismo, pacifismo, ecumenismo e globalismo", confirma essa ilusão.

Para fazer o bem a um homem pecador e rebelde, é necessário explicar-lhe que ao se distanciar de Deus ele se tornará um escravo de Satanás e de si mesmo, Viganò explica e conclui: "Nenhum senso de fraternidade com outras almas condenadas pode remediar a inimizade para com Deus. ”

Viganò questiona o “sonho utópico e transitório” contido em Fratelli tutti que é “fechada” à Graça de Deus.

Para Viganò, a encíclica mostra “o vazio de um coração murcho, de um cego privado da visão sobrenatural, que às apalpadelas pensa que pode dar uma resposta que ele mesmo ignora em primeiro lugar”.

#newsZrqiscrgfi