Clicks69
pt.news

Congregação da Liturgia admite: Traditionis Custodes de Francisco é "muito severo", "não seve à unidade"

A Congregação da Liturgia admitiu que a repressão de Francisco ao Rito Romano foi muito severa.

Em vez de servir à unidade, isso poderia afastar os católicos da Igreja, visto que suas necessidades não são atendidas, disse o cardeal de Varsóvia (Polônia), Kazimierz Nycz, à agência polonesa KAI.pl (22 de outubro) sobre Traditionis Custodes após sua visita Ad Limina.

Os bispos poloneses pediram à Congregação permissão para celebrar a Missa Romana nas igrejas paroquiais e para expandir a celebração desse rito na Polônia, se necessário.

A Congregação respondeu que deseja interpretar TC de uma forma “expansiva”, “mais de acordo com o espírito do que com a letra da lei”.

Nycz acrescentou que a regra geral é que os padres que tiveram permissão para celebrar a Missa Romana durante o pontificado de Bento XVI [= todos os padres] ainda devem ser capazes de fazê-lo, e os recém-ordenados devem buscar permissão do Vaticano (permissão sempre negada, após TC).

Fotografia: Kazimierz Nycz, © Ryszard Hołubowicz , CC BY-SA, #newsAwqmoydgsc