Clicks154
pt.news

Bibliotecário do Vaticano planeja entrar em “novo estágio da história”

Depois da Covid-19, as universidades estão enfrentando um "desafio de uma época" e precisam adaptar "todas as disciplinas" a uma "ecologia integral".

O cardeal José Tolentino Mendonça, bibliotecário do Vaticano, afirmou isso durante uma videoconferência em 1º de março, após receber um prêmio da Universidade de Coimbra.

Mendonça acredita que é preciso “entrar em uma nova etapa da história” porque a “pandemia” empurra “para o futuro”, e as palavras “contemplação” e “cuidado” serão importantes.

Ele lembrou que "todos contra todos" não é uma estratégia para o futuro, como Francisco tem "insistentemente" repetido [embora "todos contra todos" seja precisamente a marca registrada da Igreja de Francisco].

O serviço ao bem comum deve ser a “meta mobilizadora” para servir a pessoa humana, “a sua dignidade singular e inviolável, e para servir em harmonia com toda a criação”, disse Mendonça.

Apesar das palavras grandiloquentes dos cardeais, é improvável que a "pandemia" cause quaisquer mudanças fundamentais na sociedade.

Fotografia: © wikicommons, CC BY-SA, #newsPzyzhupvbz