Clicks98
pt.news

Bispos ingleses convenceram Estado a fechar igrejas

O primeiro-ministro inglês, Boris Johnson, revogou, em 23 de março, uma ordem anterior de que "lugares de culto deveriam permanecer abertos para oração solitária" durante a crise do coronavírus.

Agora, Johnson mencionou igrejas entre os lugares não essenciais, como lojas de roupas, bibliotecas, parquinhos e academias, que precisam ser fechados.

O cardeal de Westminster, Vincent Nichols, revela, em uma mensagem de 24 de março, que a Conferência Episcopal estava insistindo fortemente que "as igrejas precisam fechar e permanecer fechadas".

Ele explica que visitar uma igreja para uma oração solitária não é uma necessidade fundamental pela qual o governo permita que alguém deixe sua casa.

Então, o consultor de saúde dos bispos, professor Jim McManus, falou com o governo para ordenar o fechamento de todas as igrejas.

Fotografia: Vincent Nichols, © Mazur, CC BY-NC-SA, #newsEdtetmgirr