pt.news
155

Proibição de missas: um bispo fala claro

Quando uma lei é injusta, pode-se desobedecê-la, disse o bispo Bernardo Bastres, de Punta Arenas - Chile, em sua homilia de domingo 14 de março referindo-se à proibição das missas devido à Covid-19.

Também em 14 de março, a conferência episcopal chilena publicou uma declaração contra a "medida discriminatória que viola a liberdade religiosa".

No mesmo domingo, o governo recuou, renunciando a uma decisão anterior de proibir todos os cultos públicos. Eles permitiram missas com 10 fiéis dentro da igreja e 20 fora.

Todos os bispos aceitaram esta nova medida, exceto Bastres, que disse em um comunicado de 15 de março que a situação da saúde local não é tão ruim: “Sentimos as restrições impostas pelo governo nacional como um ataque à liberdade religiosa, a qual está consagrada na nossa Constituição Política".

#newsXntjsumbho