pt.news
159

Fundador do Opus Dei se foi

O arcebispo de Lima - Peru, Carlos Castillo, de 72 anos, removeu uma pintura de José María Escrivá, fundador do Opus Dei, de sua catedral, informa La Cigüeña (InfoVaticana.com, 29 de junho).

O antecessor de Castillo, o cardeal Cipriani, de 78 anos, que Francisco se aposentou rapidamente, era um padre do Opus Dei. Castillo tornou-se famoso por:

negar que a morte de Cristo foi um sacrifício,

• iniciar um “processo de beatificação” para um ativista de Pachamama,

• chamar São Tiago de “homem violento”,,

substituir sacerdotes por leigos,

recusar a Comunhão,

• transformar Corpus Christi em um show do coronavírus,

• alegar que Cristo “torna-se pão”,

• alegar que “ninguém se converte diante do tabernáculo”,

• cantar um hino de Pachamama durante uma Eucaristia.

É um milagre que Francisco ainda não o tenha feito cardeal.

#newsUlijnentby