Clicks35
pt.news
1

Duterte chama bispos de "tolos inúteis", sugerindo matá-los

Em um discurso no palácio presidencial, em 5 de dezembro, o presidente filipino Rodrigo Duterte criticou os bispos do seu país chamando-os de "tolos inúteis".

Ele até fez apelo ao público para "matá-los" porque "tudo o que eles fazem é criticar", disse Duterte segundo "Manila Bulletin".

Ele então estigmatizou a Igreja como "a instituição mais hipócrita" e disse que o seu Deus é diferente do que aquele em que os católicos acreditam.

"Eu nunca disse que não acredito em Deus. O que eu disse é que o seu Deus é idiota, e o meu tem muito bom senso. É isso que eu disse aos bispos. Eu nunca disse ser um ateu".

No verão, Duterte se referiu a Deus como "estúpido" e "filho da p__a", sugerindo que, se existe "uma única testemunha" que possa provar a existência de Deus mostrando a ele uma selfie juntos, ele imediatamente renunciaria ao seu cargo.

O líder da Igreja filipina é o cardeal pró-gay Luis Tagle.

Fotografia: Rodrigo Duterte, © Keith Kristoffer Bacongco, CC BY, #newsEbjdwrreww
cristine
Horror!